2.10.10

O CRESCIMENTO CONTINUA VINDO DE DEUS - Parte 2

FALTA ALGUÉM!

"E busquei dentre eles um homem que levantasse o muro, e se pusesse na brecha perante mim por esta terra, para que eu não a destruísse; porém a ninguém achei.”  (Ezequiel 22.30)

Várias igrejas estão em crise por terem diminuído consideravelmente o número de membros e outras vêem sua juventude se afastando para o mundo. Em algumas seus membros não fazem a menor diferença em Cristo para amigos, vizinhos e nem parentes, sem falar sobre aquelas onde não pára pastor por causa dos “donos de igreja”. Tanto em uma como em outra, qualquer líder está sujeito a passar por uma profunda desilusão e angústia. 

Mas, em todo o meio a notícias das mais negativas, há também igrejas que estão passando por transformações. Gradualmente ou não, a quantidade de membros cresce, surgem grupos de estudos bíblicos e orações nas casas de membros e de outras pessoas interessadas, pontos de pregação, responsabilidade com a ênfase missionária e evangelística, como reflexo de um crescimento espiritual acima de tudo. 

Mas também, como explicar a apatia e a desilusão daquelas igrejas que, apesar dos esforços de seus líderes onde cada um deles procura bem intencionalmente dar sua colaboração, mesmo assim, suas igrejas ao invés de crescerem diminuem o número de membros? Qual é o segredo para o crescimento de uma igreja? Que estratégia usar e que método aplicar? Qual estratégia e método determinados por Jesus? 

A arma mais potente para qualquer igreja ainda continua sendo o estilo de vida em Cristo por cada um de seus membros conforme o exemplo dos crentes da igreja primitiva, que não somente evangelizaram de forma verbal, mas também com um tipo de vida radicalmente diferente das demais pessoas do mundo e que deliberada-mente se submeteram ao senhorio de Cristo, vivendo cheios do Espírito Santo para que fossem usados sobrenaturalmente com seus dons a serviço do Reino. Um punhado apenas de homens e mulheres de maioria iletrada conseguiu em curto espaço de tempo levar o evangelho à sua geração em todo o mundo conhecido daquela época em grande contraste com a igreja de hoje. 

Grande parte dos crentes de hoje tem se comportado timidamente porque perdeu a autoridade espiritual e por isso não consegue representar Jesus Cristo aqui na terra, deixando missão do “ide” fracassar. 

Algumas lideranças com suas igrejas, desesperadamente, tentam recorrer a todo tipo de novidades que ofertam modelos e métodos  para soluções  imediatistas no crescimento numérico. Outras são orgulhosas de seus triunfos e infestadas de agendismo, ativismo e até aumentaram fenomenalmente o número de membros, mas, um crescimento perigoso e enganoso por não existir conteúdo e doutrina bíblica em seus programas e mensagem, distorcendo o verdadeiro sentido do Evangelho – Amor de Deus e salvação, mas mediante reconhecimento do pecado, arrependimento e conversão. 

Onde está a presença dos corajosos crentes no mundo com o evangelismo nos dias de hoje? 


Onde está o reconhecimento do Soberano Senhorio de Jesus Cristo em suas vidas e respectivas igrejas?


Onde está a Palavra de Deus, não só escrita e falada, mas principalmente nas vidas dos membros da igreja? 

Comprovadamente, não há escassez de métodos, nem de dinheiro e nem de meios de comunicação. Há escassez sim, de homens, mulheres, adolescentes, jovens, adultos, pastores e leigos ao Senhorio de Cristo para com profundidade evangelizar primeiramente através de suas vidas.

(AUTOR: Meu grande amigo, Pr. Josué Tavares Pereira, é pastor da Igreja Batista em Nova Brasília, Cachoeiro de Itapemirim, ES)

4 comentários:

Diogo Carvalho disse...

O poder do Espírito Santo era a única coisa que a igreja primitiva possuía porque era a única coisa de que ela precisava. E, assim, nós hoje.

Sandro disse...

Graça e paz, sempre!

Passei por aqui para conhecer seu blog.
Estou procurando bons blogs para compartilhar.

Já estou te seguindo.

Ficaria muito feliz se puder me visitar.
Se quiser me seguir também será um prazer para mim.

Abraço em Cristo,

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/
Te espero lá.

Sandro disse...

BeA,

Eu não sabia nada sobre Dallas Willard e Donald Miller.
Muito menos que eles faziam parte da heresia "emergente" e/ou da "formação espiritual" de RENOVARE.

Postei o comentário de ambos por tratar de uma realidade, mas como disse não os conhecia.

De qualquer modo, achei pouco, para não dizer nada, edificante sua postura de simplesmente falar que não ia seguir por causa deste ou daquele escritor que já falei que desconhecia a linha teológica.

Entendo que seria muito melhor se ao invés de acusar-me de ser fã (pois você disse que não era) simplesmente me explicasse quem eram ou me perguntasse se eu sabia disto.

Teríamos neste momento uma comunhão de idéias muito mais saudáveis e eu retiraria do meu blog com muito prazer aquele post (o que vou fazer neste instante).

Eu particularmente sou contra qualquer herege e combato isso. Só não tenho o conhecimento teológico que você tem. Aliás sou executivo de uma indústria de alimentos e não sou nada na igreja a não ser...Igreja.

Quero deixar apenas um conselho: Cuidado no trato com outros irmãos. Isso pode parecer fundamentalismo religioso sem de fato sê-lo.

Gostaria também que desse uma olhada em meus posts e me apontar se existe algum outro post herege para que eu possa removê-lo também.

Reafirmo: Se postei, foi na ignorância.

Nele, Jesus, que nos ensinou a compartilhar.

Sandro
http://oreinoemnos.blogspot.com/
sandro.duarte2@gmail.com

Francisco de Aquino disse...

Rev.Bill,em primeiro lugar obrigado pela visita e comentário ao "Sola Scriptura".Sou membro de uma igreja pentecostal,mas acima de tudo tenho um compromisso com Deus e a Sua Palavra,nunca fui adepto de rótulos como "pentecostal" e "tradicional",enfrento as vezes algumas dificuldades por pezar pela Palavra de Deus e a colocá-la acima das "tradicões denominacionais",sou contra a todo e qualquer ensino que transgrida as Sagradas Escrituras,meu blog é de caracteristica apologética e nele confronto todo mdismo e heresia existentes em nosso meio.Os tradicionais acham que sou pentecostal,os pentecostais dizem que sou tradicionl,e eu digo que sou um servo do Deus altíssimo.Deus o abençoe e até mais.